Você está aqui: Home Mabe Cronologia Década de 80

Década de 80

O acirramento entre capitalismo e comunismo recrudesce, a queda do muro de Berlim reforça este significado. Porém, não se trata de um entendimento, mas da derrocada do comunismo que não conseguiu construir a utopia de uma sociedade igualitária, sem castas privilegiadas nem indivíduos excluídos. O culto ao corpo alcança proporções desconhecidas até então, as academias de ginástica lotam e a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida aterroriza homens, mulheres e homossexuais de todas as idades no mundo inteiro. Os homens exibem altos topetes à custa de muito gel, e as mulheres carregam no blush para dar às bochechas o visual de vivacidade requerido pela geração saúde. Nos anos 80 há um jogo do pós-moderno acentuando outros aspectos que dizem respeito a valores subjetivos. A pintura é a encarregada de explorar as sensibilidades remanescentes da sociedade na era da globalização que se avizinha e revela que as vanguardas não esgotaram a criatividade das formas tradicionais da arte. O fim da idade industrial é também o início da idade da informação que populariza os computadores pessoais, walkmans e videocassetes.

 

Ano

Fatos ocorridos na vida do artista

Fatos ocorridos no Brasil e no mundo

 

 

 

1980
56 anos

Pinta o painel do Pan-American Union, Washington, Estados Unidos.
Ilustra o Livro dos haicais, tradução de Olga Salvary, edição de Massao Ohno e Roswitha Kempf.

Realiza exposições individuais no Museum of Modern Art of Latin American, Washington, em Miami e no Rio de Janeiro.

Amadurece o Mercado de microcomputadores com o lançamento do PC, personal computer da IBM.

1981
57 anos

Participa da Feira Internacional de Arte Contemporânea/FIAC 81, na França e expõe no Museu de arte Nacional de Osaka, Japão.

Artistas plásticos encontram nova expressão na surpreendente arte incomum, nome dado aos desenhos de esquizofrênicos e outros doentes mentais que a 16ª Bienal de São Paulo mostra ao público.

1982
58 anos

Elabora ‘pano de boca’, a cortina de fundo, de 9 x 18 m, do Teatro Provincial de Kumamoto, no Centro Cultural de Kumamoto.

Realiza exposições individuais na Flórida e em Nova Iorque.  

Participa da Feira Internacional de Arte Contemporânea/FIAC 82, em Paris.

 

1983
60 anos

Realiza individuais no Brasil, Estados Unidos e Panamá.

 

1984
60 anos

Realiza individual na realidade Galeria de Arte, no Rio de Janeiro e expõe em coletivas na França, Espanha, Suécia e Brasil.

Participa da Feira Internacional de Arte Contemporânea/FIAC 84, em Paris.

 

1985
61 anos

Participa do ICAF 85, no Barbican Centre, em Londres.

A restauração dos afrescos de Michelangelo na capela Sistina, em Roma, gera polêmica quanto ao resultado final e sua fidelidade ao original.

1986
62 anos

Realiza mostra retrospectiva e lança seu primeiro livro Vida e obra de Manabu Mabe, no Masp/SP.

Participa da Feira de Arte Contemporânea/ARCO 86, em Madrid.

 

1987
63 anos

Participa da Feira Internacional de Arte Contemporânea/FIAC 87, em Paris.

Uma loja japonesa comprou O acrobata e o jovem arlequim, de Pablo Picasso, pela soma recorde de 38 milhões de dólares.

O quadro Íris, de Vicent Van Gogh, pintado num hospício, foi arrematado em Nova Iorque por 53,9 milhões de dólares.

1988
64 anos

Realiza exposição individual no Espaço Latino-America, em Paris e no Yutaka Sanematsu Escritório de Arte, em São Paulo.

Participa do MUBA, na Suíça e da Feira Internacional de Arte Contemporânea/FIAC 88, em Paris.

O Japão se despede do imperador Hirohito, o 124º monarca, aos 87 anos.

A criação da nova Constituição Brasileira enseja mudanças radicais nos rumos políticos do país.

1989
65 anos

Realiza exposição individual na Kouros Gallery, em Nova Iorque, Estados Unidos.

Participa da Feira de Arte Contemporânea/ARCO 89, em Madrid.